com o apoio
em modo Escuro poderá poupar até 30% de energia. Saiba mais

Afinal, as formigas e as moscas são essenciais nas culturas de cacau

As plantações de cacau estão presentes em mais de 50 países em todo o mundo, porém, pouco ainda se sabe acerca dos seus polinizadores.

Um novo estudo da Universidade de Göttingen, na Alemanha, investigou durante oito meses 42 plantações de cacau na ilha de Sulawesi, na Indonésia. A equipa descobriu que as formigas e as moscas são insetos cruciais no desenvolvimento das culturas de cacau no país. Ao contrário do que se pensava, os mosquitos da família ceratopogonidae não são os principais responsáveis pela polinização do fruto, e os cientistas nem sequer encontraram algum exemplar.

“Ficamos surpreendidos por não termos capturado nenhum mosquito ceratopogonidae, embora esses minúsculos mosquitos fossem considerados os polinizadores mais importantes do cacau. Isso enfatiza que os polinizadores do cacau são mais diversos do que se conhecia anteriormente, mas também que ainda há muito a aprender”, refere Manuel Toledo-Hernández, principal autor do estudo.

As formigas foram consideradas os polinizadores mais importantes direta e indiretamente. Além disso, os investigadores concluíram também que a melhor maneira de preservar a biodiversidade nestas plantações é através de sistemas agroflorestais, inclusive com árvores que criam sombra.

“As atuais iniciativas globais de cacau devem considerar o papel dos habitats amigos da biodiversidade para a conservação dos polinizadores, porque os seus serviços de polinização são uma alternativa ecológica para os compromissos atuais de combinar o alto rendimento com a conservação”, concluem os autores em comunicado.

Notícias relacionadas
Comentários
Loading...