Austrália lança plano massivo para deter a perda de espécies nativas até 2020

O Ministério do Ambiente da Austrália vai lançar um plano para travar a perda de espécies nativas do território, nomeadamente os mamíferos, até 2020. A Austrália é o país com a maior taxa de extinções de mamíferos a nível mundial, com cerca de 29 espécies nativas desaparecidas nos últimos 200 anos.

“Determinei o objectivo de travarmos a perda de espécies de mamíferos até 2020”, afirmou o ministro do Ambiente, Greg Hunt, na apresentação do plano, cita o Guardian.

Para cumprir o objectivo, o Governo vai iniciar uma guerra contra a população de gatos selvagens e vadios que, de acordo com o veredicto da comunidade científica, são a maior ameaça às espécies de mamíferos e aves australianas. Existem cerca de 20 milhões de gatos selvagens e vadios na Austrália, responsáveis pela morte de cerca de 75 milhões de pássaros e pequenos mamíferos todos os dias.

O ministro do ambiente prometeu também intervenções governamentais mais profundas para proteger as espécies em Kakadu, Ilha Norfolk, Ilha Raine e Grande Barreira de Coral. Já na Ilha do Natal, o Governo ambiciona erradicar todos os felinos selvagens.

Foto: John Englart (Takver) / Creative Commons

Deixar uma resposta

Patrocinadores

css.php