Braga testa três soluções inovadoras na área da mobilidade sustentável



A Câmara de Braga vai testar, a partir da próxima semana, três soluções inovadoras na área da mobilidade sustentável, uma das quais visa a melhoria da monitorização e uso de lugares de cargas e descargas, foi ontem anunciado.

Os projetos foram selecionados pelo Instituto Europeu de Inovação e Tecnologia (EIT), no âmbito do programa europeu “Challenge My City”, e vão beneficiar de um apoio total de 180 mil euros.

Outro dos projetos visa a segurança das bicicletas e monitorização dos fluxos de ciclistas, e o terceiro tem a ver com a promoção da mobilidade ativa no centro da cidade.

Para o presidente da Câmara de Braga, Ricardo Rio, estes projetos “vão ajudar a conhecer a realidade com maior rigor”.

“Com base nos resultados alcançados, vamos ter condições para desenvolver políticas de mobilidade mais ajustadas ao nosso concelho”, afirmou.

Os projetos vão ser testados durante um período de seis meses.

O projeto ‘Telraam’, de segurança de bicicletas e monitorização de fluxos de ciclistas, vai permitir a instalação de 15 sensores no centro da cidade com o objetivo de contabilizar e categorizar métricas, nomeadamente a contagem de usuários rodoviários, os meios de transporte e a velocidade estimada.

Já o projecto “Walkflow” apresenta-se como uma solução de análise de padrões de movimento pedestre no centro da cidade, usando dados anónimos de localização móvel e dados agregadores de aplicação.

Esta iniciativa vai permitir a caracterização do tipo de usuários, a origem/destino, a finalidade da atividade ou a frequência das viagens

Por fim, o “Parkunload” pretende testar 25 zonas de estacionamento inteligentes para uma utilização mais eficiente das áreas de carga e descarga, reduzindo o congestionamento no centro da cidade.

Através de uma aplicação móvel e sensores ‘bluetooth’, este sistema vai permitir a gestão, regulação e análise de estacionamentos em zonas de carga e descarga.

O objetivo é favorecer a rotatividade, aumentando a disponibilidade dos lugares destinados às atividades logísticas e comerciais.

Ricardo Rio recordou que Braga tem desenvolvido um “esforço coletivo para promover uma mobilidade mais sustentável, através de novas formas de locomoção na cidade, mais eficiente e mais amiga do meio ambiente”.

“É impossível pensar em políticas de mobilidade que não sejam alicerçadas em dados, em informação que nos ajude a perceber a realidade, a perceber as motivações das pessoas e a criar condições para que essas motivações possam ser correspondidas”, acrescentou.

O #ChallengeMyCity é um programa europeu que tem como finalidade contribuir para o desenvolvimento da mobilidade sustentável nas cidades europeias, apoiando a implementação de projetos inovadores.

O financiamento europeu permite aos municípios testarem diferentes soluções para as suas necessidades de mobilidade sustentável, antes de assumirem um compromisso de investimento no longo prazo.





Notícias relacionadas



Comentários
Loading...
viagra before and after photos what to expect when husband takes viagra