Dia da Terra: vai andar de trotinete? Procure uma “selvagem”



No âmbito do Dia da Terra,, a Lime inicia em Lisboa uma campanha de 6 semanas para alertar sobre a urgência do combate às mudanças climáticas bem como sobre o papel essencial dos transportes verdes no que diz respeito às emissões climáticas.

Como parte do movimento mundial, a Lime e a ANP|WWF estão a promover uma frota de 50 trotinetes com impressões de animais de forma a mostrar a parceria. O valor das viagens nos veículos elétricos partilhados da Lime será então doado à ANP|WWF.

Os condutores são incentivados a procurar estes veículos “selvagens” em Lisboa e participar na campanha #LimeInTheWild. Para Ângela Morgado, diretora executiva da ANPlWWF “É de extrema importância que as empresas compreendam o seu papel no que diz respeito à proteção do planeta que é de todos. Assim, são sempre excelentes notícias, para as pessoas e para todas as espécies, quando empresas como a Lime, assumem este papel tão fundamental para todos. As próximas semanas serão mais uma enorme oportunidade para consciencializar para a necessidade de adotarmos novos hábitos sustentáveis, nomeadamente de mobilidade, destacando a utilização de meios de transporte partilhados como é o caso das trotinetes.”

O Dia Mundial da Terra, assinalado mundialmente a 22 de abril, é mais uma oportunidade para refletirmos seriamente sobre o momento crítico que atravessamos na história do planeta e sobretudo sobre a necessidade de ação ambiental.

“Os impactos das mudanças climáticas são já visíveis . A forma como produzimos e consumimos está a colocar-nos numa emergência mundial — para a natureza mas também para as pessoas. Ao incentivarmos as pessoas a utilizarem meios de transporte mais limpos e sustentáveis, estamos a impulsionar ações concretas e mensuráveis ao longo do mês de Abril e no futuro. Acreditamos que a micromobilidade pode ser parte da solução”, afirma Ângela Morgado da ANP|WWF.

Em outubro de 2020, a Lime comprometeu-se com uma meta ambiciosa de ser Net Zero até 2030 e tornou-se a primeira e única operadora de micromobilidade a comprometer-se com uma meta baseada na ciência. A Lime comprometeu-se em todas as emissões, incluindo a sua cadeia de suprimentos, seguindo o principal padrão global para metas corporativas de carbono alinhado com o Acordo Climático de Paris. O The Science Based Targets Initiative (SBTi) foi desenvolvido pelo WWF, World Resources Institute, Pacto Global da ONU, entre outros membros. Nos últimos 5 anos, a Lime estabeleceu-se como líder global em veículos elétricos partilhados.

A Lime prioriza a colaboração com as comunidades, trabalhando em conjunto para construir o programa certo de mobilidade partilhada, atendendo às necessidades únicas de cada cidade e dos seus utilizadores e melhorando a forma como as ruas são construídas.

“É inspirador ver as pessoas adotarem opções sem carros e escolherem as nossas trotinetes, principalmente em cidades cujas ruas priorizam as pessoas aos carros. No ano passado, a Lime assistiu ao dobro, ou até ao triplo, do número de passeios em cidades em ciclovias recém-criadas. ”

“Continuamos a construir e a desenvolver veículos do futuro porque queremos revolucionar fundamentalmente a forma como as pessoas se movem – e dar-lhes mais razões para abandonar o carro! Também continuaremos a priorizar incansavelmente a descarbonização do nosso próprio negócio para nos aproximarmos de um futuro sem carbono que todos desejamos. Obrigado aos nossos condutores, à ANPlWWF e às cidades por nos ajudarem tornar a empresa de veículos elétricos partilhados mais utilizada do mundo.” disse Benjamin Barnathan, Gerente Geral da Lime no sul da Europa.



Notícias relacionadas

Comentários estão fechados.