Dia Mundial do Mosquito: pequeno em tamanho, grande na transmissão de doenças

O  Dia Mundial do Mosquito tem como principal objetivo,  informar as pessoas sobre as causas da malária, sobre a sua prevenção, sobretudo nos países mais afetados por esta doença.

O mosquito é um dos animais mais perigosos do mundo. Alimentando-se do sangue do Homem, as fêmeas de determinadas espécies de mosquitos podem transmitir doenças como a malária, a febre amarela, a filaríase, a dengue, entre outros.

Além dos perigos das doenças que transmite, há ainda o fator da alergia à picada dos mosquitos, que afeta muitas pessoas.

É no verão que eles surgem com mais frequência, para evitar  o desconforto com estes insetos, temos algumas sugestões:

  • Feche portas e janelas logo ao anoitecer;
  • Instale redes para manter portas e janelas abertas;
  • Na cozinha, mantenha frutas e outros tipos de alimentos cobertos;
  • Certifique-se que não têm sítios em casa que acumulem água – vasos e garrafas sem tampa, por exemplo.

 

Leia também: As melgas e mosquitos estão sempre a picá-lo? Há uma explicação cientifica para isso

Notícias relacionadas

Comentários estão fechados.