Dyrup e Faculdade de Arquitectura de Lisboa vão investigar tintas sustentáveis

A Dyrup e a Faculdade de Arquitectura da Universidade Técnica de Lisboa assinaram um acordo para a investigação e desenvolvimento de futuras tintas sustentáveis, anunciaram as instituições em comunicado.

“[Ambas as instituições vão unir-se] em prol da arquitectura sustentável em Portugal, garantindo que, em regime de co-criação, vão trazer à sociedade, em breve, inovações em produtos que prometem mudar o mundo das tintas na arquitectura de construção, renovação e decoração de espaços”, explica o comunicado.

Esta união terá como forma visível a construção de um laboratório denominado Sustenta, que terá uma equipa multifuncional de ambas as organizações e vai desenvolver, em esforço técnico-cientifico, as futuras tintas sustentáveis para o planeta.

“Este protocolo foi idealizado – e acordado com a Dyrup – há alguns meses atrás, pelo então Reitor, professor Fernando Ramôa Ribeiro, assessorado e impulsionado pela Profª Conceição Mello Trigueiros, razão pela qual a actual reitoria, em união com a Dyrup Iberia, resolvem assiná-lo em sua homenagem, a título póstumo”, explicou o director de marketing ibérico da Dyrup, Nuno Ferreira Pires.

Fernando Ramôa Ribeiro, falecido este ano, foi uma personalidade brilhante, professor catedrático do Instituto Superior Técnico e cientista reconhecido internacionalmente, dedicado à causa pública em múltiplas funções de gestão académica e científica, era Reitor da Universidade técnica de Lisboa desde 2007.

Notícias relacionadas
Comentários
Loading...