Lisboa vai ter horta de 4,5 hectares no Vale de Chelas. Será a maior horta urbana de Portugal.

A cidade de Lisboa terá, a partir do Verão, a maior horta urbana de Portugal: 4,5 hectares de horta no Vale de Chelas, em Marvila, que será repartida em 300 talhões para cultivo, cada um com 160 metros quadrados.

Esta horta urbana gigantesca será englobada no Parque Hortícola do Vale de Chelas, uma estrutura multifacetada constituída por outras zonas verdes, um equipamento infanto-juvenil e um quiosque com esplanada. No total, este parque terá 16 hectares – ou seja, o tamanho de 16 campos de futebol.

Segundo explicou ao Expresso o vereador do Ambiente e Espaços Verdes da Câmara Municipal de Lisboa, José Sá Fernandes, os cerca de 120 hortelãos já instalados no terreno terão direito preferencial a um talhão. Os restantes serão atribuídos através de um concurso, como é habitual um pouco por todo o País. O valor anual é de €75 (R$ 170).

Em causa está também a total remodelação do espaço. Se hoje o Vale de Chelas é um emaranhado de cercas em ziguezague, muitas delas construídas com canas, ripas de estores ou paletes de madeira.

Assim, estão já a ser realizadas obras: modelação do terreno, construção de caminhos principais e colocação de plantas e arbustos de bordadura. Quanto estiver construído, o parque terá talhões separados por uma vedação de rede. Cada quatro hortelãos vão partilhar um abrigo de madeira, para guardarem as ferramentas. Haverá também pontos de água.

E se no Porto existe já uma lista de espera por um talhão, como aqui anunciámos em Dezembro, em Lisboa o cenário não será muito diferente. Segundo Sá Fernandes, a adesão às hortas da Quinta da Granja, em Outubro passado, superaram todas as expectativas, com cerca de 20 candidatos para uma das vagas a concurso.

E no Vale de Chelas, como será?

Notícias relacionadas
Comentários
Loading...