Lóris lento: Um primata gentil, mas venenoso



Poucas pessoas conhecem o nome do Lóris Lento. Trata-se de um primata inteligente e que geralmente fica acordado durante noite. Muitas vezes apelidado de ‘tímido’, este primata gentil, mas venenoso, enfrenta uma luta desesperada pela sobrevivência.

Mas o que é exatamente o Lóris Lento? Serão realmente assim tão mortíferos? Porque é que estão em vias de extinção?

Segundo a “Science Focus”, o Lóris Lento é uma contradição. Podem ser bonitos e de olhos grandes, mas também são tóxicos, fracionários e potencialmente letais. É o único primata que produzir e utiliza veneno para se defender. estas bolas de pelo notívagas vivem nas florestas tropicais do Sul e Sudeste da Ásia.

São conhecidas pelo menos oito espécies estão todas em vias de extinção.

Quão lento é o Lóris Lento?

Os investigadores do século XVIII que os descreveram pela primeira vez, pensavam que eram lentos e preguiçosos, e foi, por isso, que nasceu o termo ‘lóris lento’. No entanto, não é bem assim.

Sim, eles ficam parados durante horas a fio. Sim, eles tendem a mover-se lentamente, e sim, congelam e escondem-se atrás das mãos quando estão assustados, mas também podem mudar quando precisam como, por exemplo, quando apanham um inseto ou se esquivam a um predador.

Onde é que eles vivem?

Nas árvores, onde estão extremamente adaptados aos seus habitats. Têm mãos fortes e agarradas, pulsos e tornozelos flexíveis, e um par de vértebras extra no meio da sua coluna vertebral, o que os torna maleáveis e curvados.

Ao contrário de muitos outros primatas que vivem em árvores, os lóris lentos são silenciosos e viscosos. Não saltam, movem-se cautelosamente, passam de mão em mão, e alcançam os espaços entre as árvores. Só descem para fazer as suas necessidades.

O que é que eles comem?

Os lóris lentos são omnívoros. Abordam pequenos pássaros, insetos, répteis, fruta e néctar.

Sabia que é o único primata que produzir e utiliza veneno para se defender?

Localizadas debaixo dos seus braços, as glândulas secretoras dispensam o veneno sempre que aparece uma nova ameaça!

Quão má é a sua mordedura?

Péssima! O veneno ativado causa dor, inchaço e uma ferida que demora séculos a cicatrizar. Pode matar pequenos mamíferos e artrópodes, e causar choque anafilático, irregularidades cardíacas e morte em humanos.~

Porque é que os lóris lentos são importantes?

Como todos os seres vivos, os lóris lentos desempenham um papel importante no seu ecossistema. São presas de cobras, gaviões e, ocasionalmente, orangotangos, e são predadores de animais mais pequenos.

Quando comem e digerem frutos, e fazem depois as suas necessidades, ajudam a propagar a próxima geração de plantas.

Quais são os perigos à sobrevivência dos lóris lentos?

Têm um aspeto encantador e, por isso, são utilizados no comércio de animais de estimação. Por outro lado, são misteriosos, o que leva à venda para uso na magia negra e na medicina tradicional. No processo, são ilegalmente traficados nas mais terríveis condições.

A taxa de mortalidade é de até 90% e o seu habitat está a decrescer. Encontram-se agora entre os primatas mais raros da Terra.

Qual é o seu estado de conservação?

As espécies que foram identificadas antes de 2012 estão atualmente listadas como “Vulneráveis” ou “espécies em vias de extinção” pela União Internacional para a Conservação da Natureza.



Notícias relacionadas

loading...

Comentários estão fechados.