Ministra pede a Bruxelas maior estabilidade para rendimento dos agricultores



A ministra da Agricultura pediu à Comissão Europeia a mobilização de alguns instrumentos para garantir maior estabilidade no rendimento dos agricultores face aos eventos climáticos e ao contexto geopolítico.

Maria do Céu Antunes participou, segunda-feira, no Concelho de Ministros da Agricultura e Pescas (Agrifish), no Luxemburgo, onde reuniu, bilateralmente, com o comissário europeu para a Agricultura e Desenvolvimento Rural, Janusz Wojciechowski.

Em comunicado, o Governo destacou que os eventos climáticos extremos e o contexto geopolítico estão a gerar maiores desequilíbrios socioeconómicos no setor, podendo colocar em risco a viabilidade das explorações em Portugal.

“Pedimos ao comissário a flexibilização dos instrumentos existentes, nomeadamente, a transferência entre pilares e a possibilidade de mobilizar recursos do desenvolvimento rural de forma mais expedita, dando maior previsibilidade e estabilidade de rendimento”, anunciou a governante, citada na mesma nota.

Na reunião, Portugal defendeu também o papel da agricultura no combate ao desperdício alimentar e para atingir as metas de neutralidade carbónica.

Relativamente à política para a promoção externa de produtos agroalimentares, Portugal alertou que a “exclusão, discriminação ou criação de critérios” que penalizem os produtos agrícolas, como a carne vermelha ou o vinho, “são contraditórios com as políticas que têm sido levadas a cabo pela Comissão Europeia nos últimos anos”.

No que se refere às pescas, foram debatidas as possibilidades no mar Báltico para 2024.





Notícias relacionadas




loading...
Comentários
Loading...
viagra before and after photos what to expect when husband takes viagra