Os segredos da agricultura biológica (com VÍDEO)

A crise económica é uma das responsáveis por uma nova interessante tendência, em Portugal: qualquer cidadão que tenha um quintal pensa hoje em cultivá-lo. Há câmaras municipais que colocam talhões e hortas urbanas à disposição dos seus munícipes, outras incentivam à agricultura biológica através de cursos.

É o caso da Câmara Municipal da Moita, que promoveu recentemente um curso para agricultura biológica para quintais, promovido pela cooperativa Biosite.

“A crise pôs as pessoas a pensar mais nisto, quer pela alimentação saudável quer pelo embelezamento de um talhão ou varanda e, claro, produção própria”, explicou, no terreno, Raquel Sousa, engenheira agrónoma e fundadora da Biosite.

No workshop, Raquel avisa para a importante questão das compatibilidades. “A mistura de plantas é uma técnica esquecida – mas as pessoas que a fizerem conseguem muitas vantagens, através da rotação e compostagem, na prevenção das pragas e doenças”, relembra.

Para conhecerem melhor a compatibilidade das plantas, existe uma tabela de orientação, uma bíblia para o agricultor de sofá e para qualquer leigo no assunto.

Segundo Raquel Sousa, há todo o tipo de perfis nos seus workshops. Há quem já tenha uma horta mas precisa de mais conhecimentos para cuidar dela, outros estão a começar.

Com sede e produção na zona de Santarém, a Biosite dá também assistência técnica a agricultores, promove acções de educação ambiental e distribui cabazes com produtos biológicos. Veja o Economia Verde nº 66.

Notícias relacionadas
Comentários
Loading...