Pagamentos aos setores agroflorestal e das pescas superam 118 milhões em setembro



O Ministério da Agricultura e da Alimentação anunciou hoje ter efetuado em setembro pagamentos aos setores agroflorestal e das pescas num montante total de 118,6 milhões de euros, através do Instituto de Financiamento da Agricultura e Pescas (IFAP).

“No final do mês de setembro de 2022, o Ministério da Agricultura e da Alimentação, através do Instituto de Financiamento da Agricultura e Pescas, I.P. (IFAP), procedeu a pagamentos aos setores agroflorestal e das pescas num montante total de 118,6 milhões de euros, com destaque para o primeiro pagamento do Apoio Extraordinário destinado aos Custos com a Energia (‘Eletricidade Verde’), com o montante de 2,1 milhões de euros”, avança em comunicado.

Segundo o ministério de Maria do Céu Antunes, no âmbito do Fundo Europeu Agrícola de Garantia (FEAGA), foram realizados pagamentos num montante total de 57,4 milhões de euros, dos quais 17,6 milhões de euros foram destinados para a restruturação e reconversão de vinhas (VITIS) e 22,4 milhões de euros foram fundos para a Medida Excecional Temporária.

Ainda destacado, no contexto do Fundo Europeu Agrícola de Desenvolvimento Rural (FEADER), é o pagamento de “mais de 16,7 milhões de euros relativos à execução das medidas de investimento do Programa de Desenvolvimento Rural (PDR2020)”. Ainda pagos foram 3,6 milhões de euros destinados a seguros vitícolas e de colheitas.

Já no âmbito do Fundo Europeu dos Assuntos Marítimos das Pescas (FEAMP), o ministério diz terem sido realizados pagamentos num montante de cerca de três milhões de euros no território do continente e de 2,2 milhões de euros para o Regime de Compensação aos Operadores do Setor das Pescas e da Aquicultura, no âmbito do programa MAR2020.



Notícias relacionadas

loading...

Comentários estão fechados.