Papa Francisco aconselha mães a amamentar em público, inclusive na Capela Sistina

Não é segredo que Jorge Bergoglio, o Papa Francisco, está a ter um impacto gigante na Igreja, nas suas tradições e na comunidade católica. Um dos passos mais relevantes neste caminho aconteceu no último domingo, quando o sumo pontífice convidou mães com recém-nascidos a amamentar os seus filhos durante uma cerimónia baptismal na Capela Sistina.

“Vocês, mães, dêem leite aos vossos filhos. E até agora, se eles chorarem de fome, amamentem-nos, não se preocupem”, referiu o Papa Francisco, segundo a Reuters.

Segundo os media norte-americanos, o texto de Bergoglio referia “dêem-lhes leite”, mas ele utilizou o termo “allattateli”, que em italiano significa “amamentem-nos”.

Segundo a Times, este momento foi uma verdadeira tomada de posição em torno da polémica da amamentação em público. A jornalista Rebecca Ruiz escreveu no Mashable que nunca imaginou “ver o Papa como a voz racional do debate”. “No entanto, uma vez mais ele está inclinado para usar a sua autoridade espiritual para nos relembrar – e até convencer – que a humanidade evoluiu para além das noções antiquadas de moralidade e propriedade”.

Segundo a Time, pelo menos uma mãe aceitou a sugestão do Papa, numa cena pouco comum num baptizado – e muito menos na Capela Sistina.

Foto: thierry ehrmann / Creative Commons

Notícias relacionadas
Comentários
Loading...