ReCloset, a nova plataforma online de moda em segunda mão que conta estórias



A indústria da moda é responsável por 20% da poluição de água, e gasta anualmente, 1.5 triliões de litros de água, avança a Sustain your style. O consumismo e o fast fashion estão a impulsionar a compra de roupa e acessórios, e a prejudicar, por outro lado, gravemente o ambiente. Contudo, cada vez mais empresas estão a tentar consciencializar os cidadãos para esta realidade, e a combater o desperdício.

A ReCloset é a nova plataforma online de moda em segunda mão. Lançada por duas empreendedoras portuguesas, pretende contribuir para um despertar de consciências para a importância da reutilização de peças de moda.

A ideia é contribuir para a para a reutilização de peças, e acompanhar cada mudança de estação. As peças em bom estado serão vendidas na loja, em regime de comissionamento, e quem as vende poderá optar por receber a sua comissão, ou escolher uma instituição para a qual encaminhar o valor da comissão. As peças que, por algum motivo, não estejam nas melhores condições serão doadas a instituições de solidariedade ou para projetos de upcycle. “O nosso compromisso é o de nunca deitar peças fora.”

O Marketplace, vai permitir qualquer pessoa vender peças recebendo uma comissão, facilitando assim o acesso à compra de moda second hand de forma segura, uma vez que os pagamentos serão intermediados pela reCloset. “Queremos pôr os portugueses a partilhar estórias das suas peças de roupa e acessórios” afirma Ana Lopes, Cofundadora e responsável pela comunicação. Os 5% da comissão pertencentes à reCloset serão dados a uma pessoa ou Projeto com um papel relevante na área da sustentabilidade ambiental.

Assim, a reCloset será também um espaço de partilha de conhecimento e dicas para uma vida mais sustentável, na moda e não só. “Para mim este projeto faz todo o sentido, por conetar todos os pontos, por mostrar que todos estamos ligados e que uma vida mais sustentável passa por muitas decisões. A maioria delas são muito simples e vão desde aquilo que comemos, passando pelo meio de transporte que utilizamos, até à forma como nos vestimos”, indica Telma Santos, Cofundadora e responsável de operações.

O lançamento das primeiras peças com estórias está para breve. Até lá, pode descobrir como vender as suas próprias peças neste mercado online, com toda a segurança.





Notícias relacionadas



Comentários
Loading...
viagra before and after photos what to expect when husband takes viagra