Temperaturas quentes levam a avalanche nos Alpes Italianos



O passado domingo ficou marcado por uma avalanche na montanha de Marmolada, na Cordilheira das Dolomitas, no Alpes Italianos. O colapso do glaciar gerou uma queda massiva de rochas e gelo a cerca de 300 quilómetros por hora na zona de Punta Rocca, parte da rota que leva os alpinistas ao cume da montanha.

Segundo os especialistas, o desastre que ocorreu na “Rainha das Dolomitas”, nome atribuído à Marmolada por ser a mais alta, justifica-se pela onda de calor que está a afetar a Europa Oriental. Em Itália foram registadas temperaturas recorde, com muitas cidades a atingir os 40ºC. Na Marmolada, os termómetros atingiram os 10ºC no sábado. Estes fenómenos, que têm vindo a ser previstos pelos cientistas, resultam das alterações climáticas.

Além de seis mortes já confirmadas, foram também identificadas oito pessoas feridas. Estão ainda a decorrer operações para encontrar as pessoas desaparecidas.

O momento foi capturado em vídeo e partilhado pela Sociedade Meteorológica Alpino-Adriática no Twitter.

Fotografia do glaciar / CNSAS – Corpo Nazionale Soccorso Alpino e Speleologico

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 



Notícias relacionadas

Comentários estão fechados.