Tentilhão-zebra, o que tem em comum com os seres humanos?

O Tentilhão-zebra é uma ave muito característica pelas suas cores, especialmente o macho, que se distingue pela mancha laranja junto ao olho e pintas brancas e tons de castanho nos flancos, tal como pelo seu canto. A espécie encontra-se com uma população estável na natureza, não correndo perigo de extinção.

Um novo estudo da Universidade da Califórnia – Berkeley, revela agora que estas pequenas aves têm algo em comum com o ser humano: Conseguem reconhecer outro animal da mesma espécie através do timbre. A investigação concluiu que podem distinguir até cerca de 50 membros do grupo e que se podem lembrar das vocalizações durante meses.

Os especialistas ficaram impressionados com a memória auditiva dos Tentilhões zebra.“Para os animais, a capacidade de reconhecer a origem e o significado da chamada de um membro do bando requer habilidades de mapeamento complexas, e isso é algo que os tentilhões-zebra claramente dominam”, afirma Frederic Theunissen, professor na UC Berkeley e um dos autores do estudo.

Normalmente estes pássaros andam em grupos de 50 a 100 indivíduos, pelo que esta função pode ser bastante útil. “Eles não se querem separar do grupo, então se um deles se perder, podem chamar ‘Hey Ted, estamos aqui.’ Ou se um deles está sentado num ninho enquanto o outro está a forragear, pode chamar para perguntar se é seguro voltar ao ninho”, explica o autor.

Notícias relacionadas
Comentários
Loading...