Uma bicicleta que pode chegar aos 160 km/h

O escocês Graeme Obree, que bateu por duas vezes o recorde mundial da hora em bicicleta – em 1993 e 1994 – desenvolveu um novo veículo híbrido, no qual pretende chegar aos 160 km/h.

O veículo, uma bicicleta adaptada para uma super-aerodinânica, foi feita à mão pelo próprio Obree, com uma pequena ajuda da Glasgow School of Art.

“Quando pedalar a sua nova bicicleta, Greame Obree deve parecer alguém que foi raptado por extraterrestres e está a tentar sair de um espécie de casulo no qual estes o armazenaram”, explica o agregador Grist.

O Grist tem razão. Em vez de pedalar de forma normal, Obree – ou quem quer que esteja à frente desta bicicleta – utiliza um pedal com um sistema que empurra e puxa, dando à bicicleta a sua parte de magia aerodinâmica.

Este sistema leva a que os joelhos não se inclinem como num sistema tradicional de pedais, reduzindo a área frontal e a resistência do ar. “Basicamente, ele está a tornar a bicicleta num motor. Em vez de vapor, está a ser movido por milho”, explica o Grist.

Segundo o agregador, a bicicleta obriga Obree a controlar a sua respiração de uma forma muito específica, um cenário claustrofóbico que apenas é batido pela quantidade de peso que Obree precisa de manejar a 160 km/h (isto, se o escocês conseguir chegar até esta velocidade).

Notícias relacionadas
Comentários
Loading...