A árvore que se agarra à vida

Entalada entre dois pequenos montes do Parque Nacional Olympic, em Washington, Estados Unidos, esta árvore tenta desafiar a lei da gravidade e, relutante em morrer, continua agarrada à vida pelas raízes.

Situada num local onde a falésia entrou em erosão e foi perdendo o solo, a árvore consegue manter-se no mesmo local devido às suas fortes raízes que, surpreendentemente, foram crescendo e têm almejado suster o peso do resto da estrutura.

A maioria das raízes da árvore estão à vista e ajudam também a formar uma pequena gruta por baixo. E ainda que a raízes tenham muito pouco contacto com o solo, a árvore ainda garante folhas verdes a cada Primavera. E nem as constantes tempestades que passam por este parque do estado de Washington têm conseguido terminar com a sua existência secular.

Deixar uma resposta