Arqueólogos descobrem na China esqueletos de “gigantes”

Não estão em causa dimensões sobrenaturais, mas uma vez que as ossadas agora descobertas têm aproximadamente 5 mil anos, as suas dimensões não deixam de ser surpreendentes. De acordo com a equipa que as encontrou, na zona oriental da China, estes esqueletos pertenceram a pessoas com uma estatura extraordinária para a época.

Segundo os investigadores, nenhum destes indivíduos teria menos de 1,80m de altura e alguns terão atingido estaturas superiores a 1,90m, o que ainda hoje não é comum.

Há 5 mil anos, estas estaturas eram absolutamente fora do comum, embora a província de Shandong, onde foram encontradas as estranhas ossadas, seja conhecida, entre outras coisas, por ter habitantes com uma altura superior à média do país.

Dizia-se que o filósofo Confúcio, oriundo desta região, media cerca de 1,90m, mas tal está por provar. O que se sabe é que ainda hoje a altura média dos autóctones de Shandong é de 1,75m, muito inferior à dos “donos” destas ossadas, embora superior à altura média da população masculina chinesa, que é de 1,72m.

Notícias relacionadas
Comentários
Loading...