As 20 profissões que melhor conciliam a vida pessoal e profissional (com LISTA)

Uma das principais prioridades dos cidadãos é gerir a relação entre a sua vida pessoal e profissional, mas esta é uma tarefa complicadíssima, quase impossível. O site Glassdoor, especializado em emprego, tentou perceber junto de um grupo de cidadãos norte-americanos se estava felizes com esta comunhão entre vida pessoal e profissional – e estabeleceu uma lista das 20 profissões – ou melhor, actividades – que obtiveram melhor nota.

Para a nota final, a empresa contabilizou os profissionais que estavam insatisfeitos com a nota 1, os que estavam satisfeitos com um 3 e os muito satisfeitos com um 5. Veja o resultado final.

1.Cientista de dados (4.4)

Ora aqui está uma profissão, ou actividade, de que pouco se fala. No entanto, nos Estados Unidos, quem o faz diz-se satisfeito. “Nem todos são incrivelmente bons no que fazem, mas quase todos são um prazer com quem trabalhar”, explicou um cientista de dados do Facebook, citado pela Glassdoor.

2.Especialista em SEO (4.3)

Quase todos os especialistas em Search Engine Optimization (SEO) estão satisfeitos com a sua balança entre vida pessoal e profissional – e cerca de 75% diz que o seu negócio vai ficar melhor nos próximos anos.

3.Guia turístico (4.3)

É um emprego que nos permite interagir com pessoas de todo o mundo, e quem o faz diz-se satisfeito. “Aprendemos muito de serviço ao cliente, podemos participar em várias aulas e workshops e os chefes são muito bons”, explicou a guia turística que trabalha no Fox Theatre em Atlanta, Georgia.

4.Nadador-Salvador (4.3)

Outro dos trabalhos onde é fácil conciliar a vida profissional e pessoal é o de nadador-salvador – também pudera, trabalhar na praia ou piscina não é para todos.

5.Gestor de redes sociais (4.3)

“O que faço é importante tanto para os nossos clientes como para o meu desenvolvimento profissional”, explica um gestor de redes sociais da empresa norte-americana Abstrakt. “Embora esteja sempre ocupado, tenho bastante gozo no trabalho e uma boa balança entre vida pessoal e profissional”.

6.Instrutor de fitness (4.2)

Outra profissão que pressupõe uma grande interacção com outras pessoas, o instrutor de fitness passa parte do seu tempo a fazer exercício físico. Interessante.

7.Designer de usabilidade (4.2)

Segundo o site, os instrutores de fitnesse batem – por pouco – os designers de usabilidade, ainda que o resultado seja o mesmo, 4.2. “A equipa é espectacular e há muita gente que nos ensina”, explicou um designer de usabilidade do LinkedIn, citado pelo site.

8.Consultor de comunicação corporativa (4.1)

Os consultores de comunicação costumam liderar o ranking das profissões mais stressantes do mundo mas, curiosamente, também aparecem neste ranking, com uma pontuação de 4.1. Estranho.

9.Bombeiros (4.1)

Outra das profissões mais stressantes e duras que faz parte deste ranking, o bombeiro tem no seu trabalho flexível, bom salário e entreajuda dos colegas a sua mais-valia.

10.Negociador de equitys (4.0)

O primeiro emprego da área financeira do ranking aparece no 10ª lugar. “A compensação é fantástica e há uma grande ligação entre trabalho e vida pessoal. Todas as pessoas com quem trabalhamos são altamente inteligentes, e a liderança encoragem a inovação”, explicou um gestor da Tradebot.

11.Notário

12.Analista de investimento

13.Assistente administrativo

14.Empregado de escritório

15.Comercial

16.Held Desk

17.Professor substituto

18.Carpinteiro

19.Agente imobiliário

20.Designer de jogos

Foto:  T. Fernandes / Creative Commons

Notícias relacionadas
Comentários
Loading...