Austrália: onda de calor já matou centenas de morcegos

O alerta vem de uma associação ambiental australiana: as elevadas temperaturas que se fazem sentir estes dias na Austrália estão a matar centenas e centenas de morcegos. Só na região de Campbelltown cerca de 400 morcegos perderam a vida nos últimos dias.

As temperaturas elevadas que atingem a Austrália, com algumas áreas a alcançar valores superiores a 47,3 graus Celsius no domingo, estão já a ter um forte impacto na biodiversidade local. Os morcegos estão entre os animais que mais têm sofrido os efeitos do calor dos últimos dias, com as raposas voadoras – uma espécie de morcego- a serem especialmente afectadas.

“Foi inacreditável. Vi vários morcegos mortos no chão e outros quase a morrer. Nunca tinha visto nada assim”, contou à imprensa local Cate Ryan, voluntária na Help Save the Wildlife and Bushlands, associação de defesa animal da zona.

Estas associações têm tido de resto um papel fundamental no auxílio a estes animais, com os voluntários a fazerem de tudo para baixar a temperatura corporal dos morcegos. Nas redes sociais a Help Save the Wildlife and Bushlands partilhou já algumas imagens e vídeos que mostram o impacto que esta onda de calor está a provocar na vida selvagem local.

Foto: Help Save the Wildlife and Bushlands Facebook