Britânicos estão a comer menos carne e a evitar plástico

A cadeia de supermercados britânica Waitrose lança todos os anos um relatório sobre hábitos de compra dos seus clientes, que é feito não só tendo em conta aquilo que as pessoas compram mas também com a ajuda de um inquérito efetuado junto de 2 mil pessoas.

O relatório deste ano parece indicar que os britânicos estão a consumir menos carne, não só devido a preocupações ambientais, mas também devido à forma como a indústria trata os animais.

Assim, 13% da população é agora vegetariana ou vegan e 21% diz que diminuiu de forma consciente o consumo de carne. Entre as razões citadas contam-se preocupações com o bem-estar dos animais (55%), saúde (45%) e preocupações ambientais (38%).

Estas são ótimas notícias para o planeta. O mais recente relatório do Intergovernmental Panel on Climate Change (IPCC) relativamente a mudanças climáticas indica que temos de comer menos 90% de carne se queremos manter o aumento das temperaturas abaixo dos 1,5ºC. As razões prendem-se com o facto de a indústria agropecuária ser uma das maiores emissoras de CO2 a nível mundial, e uma das grandes responsáveis pela deflorestação do planeta.

Outro ponto positivo no relatório da cadeia de supermercados é que os consumidores estão também a reduzir o consumo de plástico. O consumo de fruta avulso está a crescer a um ritmo 30 vezes superior ao da fruta embalada.

Aparentemente, o documentário da BBC sobre os efeitos dramáticos da poluição provocada pelo plástico nos oceanos está a produzir efeitos e os consumidores são agora mais sensíveis a este problema.

Notícias relacionadas
Comentários
Loading...