Caravelas portuguesas invadem praias britânicas

Não se trata de um evento com embarcações históricas, muito menos de um acto hostil da marinha portuguesa contra o Reino Unido. Estas caravelas navegam à vista e são conhecidas pela sua picada dolorosa.

A caravela-portuguesa é um animal marinho que vive na superfície do mar graças ao seu flutuador cilíndrico, de cor arroxeada. Conhecida pela sua picada dolorosa, em casos raros a sua mordedura pode até ser fatal. Os seus tentáculos podem atingir os 30 metros de comprimento. E é este “amável bichinho” que está agora a invadir as praias britânicas.

Segundo diversos observadores trata-se de uma invasão a uma escala que não era vista desde 2003. As autoridades marinhas britânicas chamam-lhe infestação e falam de “milhões” a invadir a sua costa.

As caravelas-portuguesas vivem sobretudo nos mares do Sul, onde a água é mais quente e esta invasão tem uma explicação óbvia: o aumento da temperatura do oceano a norte.

As autoridades recomendaram a quem quiser nadar nas praias invadidas o uso de fatos de corpo inteiro.

Foto: Willany Mesquita / flickr 

Patrocinadores

css.php