CATÓLICA procura casais jovens para participar em estudo sobre a alimentação do futuro



A equipa multidisciplinar de investigadoras da CATÓLICA-LISBON e da Escola Superior de Biotecnologia da Universidade Católica Portuguesa está à procura de casais jovens para realizar o Estudo ChangeEat! – Jantar Proteínas Alternativas. As inscrições decorrem até 15 de outubro.

Podem participar neste estudo casais das regiões Norte e Centro do país, com idades compreendidas entre os 18 e os 40 anos, sem filhos, saudáveis e motivados para reduzir o consumo de carne através da adoção de alimentos inovadores na confeção do jantar diário, sublinha a universidade em comunicado.

“Existem várias vantagens em participar”, esclarece Maria João Monteiro, investigadora na Escola Superior de Biotecnologia, “desde já a possibilidade de experimentar em primeira mão os alimentos do futuro e tornar-se num/a trendsetter no domínio da alimentação sustentável na Europa. Providenciamos ainda cabazes de produtos para a confeção de 18 jantares, ferramentas e aconselhamento especializado em alimentação e nutrição, e um cartão presente como forma de agradecimento pela participação”.

“O ChangeEat! procura concretizar aquilo que percebemos ser uma vontade crescente de adotar comportamentos alimentares mais saudáveis e sustentáveis entre os jovens adultos portugueses, sem, no entanto, comprometer o prazer gastronómico, a gestão do orçamento doméstico, a conveniência e o convívio – tudo valores igualmente importantes para eles”, acrescenta Ana Isabel Costa, investigadora na CATÓLICA-LISBON e uma das coordenadoras do ChangeEat!

Este estudo decorre entre outubro e dezembro de 2022 e inclui o preenchimento de um breve inquérito online, a experiência de confeção e consumo de novos produtos alimentares em casa, a utilização de uma aplicação móvel para registo do consumo alimentar e, pontualmente, a participação em sessões de prova de produto no campus da Universidade Católica Portuguesa, na cidade do Porto, em horário pós-laboral. Para obter mais esclarecimentos pode enviar-se email para aqui ou consultar o site 

O estudo é uma iniciativa liderada pela Unidade de Investigação Empresarial e Económica da CATÓLICA-LISBON (CUBE) e o Centro de Biotecnologia e Química Fina (CBQF), Laboratório Associado da Escola Superior de Biotecnologia, no quadro dum projeto europeu, SUSINCHAIN – SUStainable INsect CHAIN, em que participam, além de Portugal, os Países Baixos, a Dinamarca, a Alemanha, a Itália, a Bélgica, a Espanha, a Suíça e a Áustria.



Notícias relacionadas

loading...

Comentários estão fechados.