Cientistas descobrem recife de coral com 500 metros, maior que o Empire State Building (vídeo)

Um grupo de cientistas da James Cook University e do Schmidt Ocean Institute estava a explorar o Grande Recife de Coral, na Austrália, quando descobriu um recife de coral de 500 metros de altura, maior que o Empire State Building e a Torre de Sydney. Trata-se de um recife de coral “separado”, ou seja, segundo o ABC, “um recife assente no fundo do oceano que não faz parte do corpo principal da Grande Barreira de Coral”.

“A base do recife em forma de lâmina tem 1,5 quilómetros de largura, depois eleva-se 500 metros”, e o topo fica a apenas 40 metros da superfície do mar, explica Tom Bridge, um dos principais investigadores da expedição. O momento foi emitido em direto através do Youtube.

A descoberta deste recife de coral é um marco histórico, dado que não se tinha conhecimento de nenhum há 120 anos. “Este recife separado recém-descoberto soma-se aos outros sete recifes altos separados na área – todos mapeados no final de 1800”, afirma o cientista.

“O nosso conhecimento sobre o que há no oceano é muito limitado”, afirma Wendy Schmidt, Co-fundadora do Schmidt Ocean Institute. “Graças às novas tecnologias que funcionam como os nossos olhos, ouvidos e mãos no fundo do oceano, temos a capacidade de explorar como nunca. Estão a abrir-se novas paisagens do oceano, e a revelar-se ecossistemas e diversas formas de vida que compartilham o planeta connosco.”

A expedição a bordo do navio Falkor já dura há quase 12 meses, tendo fim no próximo mês de novembro.

Notícias relacionadas
Comentários
Loading...