Cisne abraça homem que o salvou (com FOTOS)

Memória de cisne

Há uns anos, o apresentador televisivo britânico Richard Wiese salvou um cisne que voou contra uma cerca de arame e visitou-o em Abbotsbury Swannery, Reino Unido, a única colónia de nidificação de cisnes do mundo e que data de 1393 – ou até antes, de acordo com os registos oficiais.

Quando foi perceber como ele recuperava da uma ferida, Wiese não encontrou um animal agressivo, ao contrário do que pensava. “Quando o encostei a mim pude sentir o seu coração a bater. Ele relaxou o seu pescoço e pô-lo à volta do meu”, explicou o apresentador à ABC News. “Foi um momento maravilhoso. Um momento em que percebemos que o animal confia em nós”, continuou.

Os cisnes não são os animais mais amigáveis ou bondosos do mundo. São territoriais e podem ser intimidadores. Por isso, como explica o The Dodo, este momento é extremamente raro e especial. Para o cisne mas sobretudo para Richard Wiese.

Deixar uma resposta

Patrocinadores

css.php