uma nova vida iluminada

 

Em todo o mundo cerca de 1,3 mil milhões de pessoas não têm acesso a electricidade, faltando-lhe a energia necessária para coisas tão simples como candeeiros, frigoríficos e televisão. Mas com a ajuda de um pequeno painel solar, a vida das comunidades em Myanmar, Uganda e India está a iluminar-se.

Num trabalho fotográfico maravilhoso apelidado Solar Portraits, o espanhol Rubén Salgado Escudero mostra-nos como lâmpadas LED com energia solar estão a mudar a noite nas zonas rurais do mundo.

Em 2013, Salgado estava a viajar por Myanmar a tirar fotografias para uma organização humanitária internacional. Um dia, ao entrar numa aldeia perdida na zona rural no estado de Shan, o fotógrafo encontrou uma mulher sentada ao lado de um pequeno painel solar, algo insólito para um local onde a iluminação provém quase em exclusivo da chama de velas. Este episódio inspirou o fotógrafo que desde então têm documentado a vida nocturna de comunidades rurais em Myanmar, Uganda e India.

Segundo o Myanmar Times, apenas um terço da população do país tem acesso a electricidade. O impacto destes painéis solares é tremendo nas zonas rurais, mas é uma espécie de penso rápido a evitar a resolução de um problema nacional, uma vez que o tempo de vida útil destes painéis não excede os três a cinco anos. No entanto, é um importante passo e uma esperança para as comunidades rurais fotografas por Salgado, galardoado com o prémio para melhor retrato na edição de 2015 do Sony World Photography Awards.