Charlie Edwards, um menino britânico de apenas 10 anos, totalmente apaixonado por dinossauros, descobriu um erro na exposição do Museu de História Natural, em Londres, no Reino Unido. E, subitamente, tornou-se notícia nos jornais de todo o mundo.

Tudo aconteceu quando, durante uma visita com os pais e o irmão ao célebre museu, Charlie, que sofre de Síndrome de Asperger, reparou que um dos dinossauros estava rotulado incorrectamente. “Numa das placas havia uma comparação de um oviraptor e de um humano, mas aquilo não batia certo. Aquele dinossauro parecia que vinha da família de um triceratops e não de um oviraptor”, explicou o menino à BBC

“Quando nos disse que a imagem estava errada, nós respondemos: ‘Ok, nós sabemos que tu és bom, mas isto é o Museu de História Natural’”, conta a mãe do rapaz, explicando que, inicialmente, não acreditaram. Mas quando fizeram uma pesquisa no Google, viram que a criança estava mesmo certa. Foi então que decidiram comunicar a descoberta aos curadores do museu, que acabaram por confirmar, por escrito, que o pequeno paleontólogo amador tinha razão.

Foto: Creative Commons

Deixar uma resposta