DPD lança novo serviço de entregas on demand



No dia 2 de maio chega a Portugal, mais precisamente a Lisboa e Porto, o novo serviço de entregas on demand da DPD. O DPD Now consiste numa nova experiência de entrega de encomendas imediata, flexível e personalizada.

A novidade surge de uma parceria entre a DPD e a   Stuart, uma plataforma de logística adquirida pela empresa em 2017, e que chega agora ao mercado nacional.

Com foco nas áreas do retalho e dos serviços, mais precisamente do Retail (e-commerce), Groceries (supermercado) e Messenger (escritório), o cliente pode fazer o pedido no momento e a sua encomenda será entregue no prazo máximo de 1 hora, ou programar a entrega para o dia e hora que lhe for mais conveniente, num espaço de 7 dias, das 8:00 até às 22:00.

Para usufruir deste serviço é necessário registar a encomenda no portal DPD ou DPDShip, para que a mesma seja atribuída a um estafeta e siga caminho. O percurso pode ser acompanhado por completo através do telemóvel, desde o momento da recolha até à entrega – e o cliente será notificado por sms em tempo real relativamente ao estado da entrega.

Este serviço está, para já, disponível em Lisboa, Amadora, Loures, Sintra, Cascais, Oeiras e centro do Porto, mas num futuro próximos, prevê-se a expansão a outras partes do país.

Atualmente, a frota é composta por 250 viaturas, onde estão incluídas bicicletas, mopeds e viaturas ligeiras. Está ainda prevista a expansão da frota com viaturas mais amigas do ambiente, ou seja, veículos elétricos. A nível europeu, o serviço da Stuart é composto em 60% por uma frota verde, estando previsto chegar a 80% este ano.

Em termos de sustentabilidade, a empresa está a desenvolver parcerias que permitam aumentar a frota verde dos estafetas, e os próprios deverão procurar fazer uma coordenação das encomendas a entregar.

No evento de inauguração realizado esta manhã, estiveram presentes Olivier Establet, CEO da DPD Portugal, Damien Bon, CEO da Stuart e Guilherme Conde, General Manager da Stuart em Portugal.

Hoje em dia mais de 10% das compras são on-line”, afirmou Olivier Establet, referindo que a solução inovadora “é uma peça do puzzle que podia estar a faltar na DPD.” “Achamá-mos que era muito importante completarmos a nossa oferta com uma oferta on demand, ou seja, uma oferta de entrega imediata”.

Já Guilherme Conde mencionou que a missão da Stuart passa por “ter logística para um mundo sustentável: partilhado, eficiente e confiável”. Relativamente à frota, revela: “Temos atualmente já 60% a nível europeu de frota verde, ou seja, veículos elétricos ou não motorizados, e em Portugal temos também essa ambição de aumentar a nossa frota verde”.



Notícias relacionadas

Comentários estão fechados.