Este panda gigante recém-nascido ainda não tem nome. Quer ajudar?

Gostava de dar o nome a um panda bebé? Esta pode ser a sua oportunidade. No passado dia 14 de agosto nasceu um panda gigante (Ailuropoda melanoleuca) no River Safari, em Singapura – a primeira cria da espécie a nascer no país. Tem como pais os pandas Jia Jia de 12 anos, e o Kai Kai, de 14 anos, que vivem no parque no âmbito de um programa de conservação da espécie, que se encontra em estado vulnerável de extinção.

Quase um mês depois do seu nascimento, e a dois dias de celebrar o seu primeiro mês, a equipa da organização Wildlife Reserves Singapore (WRS), à qual pertence o River Safari, está à procura de um nome para lhe dar. O sexo da cria foi revelado esta manhã, nas comemorações do aniversário do pai, que celebra hoje 14 anos. O macho abriu uma pinhata que tinha não só cenouras no interior, como também confetis azuis, através dos quais foi revelado que é um menino.

Para celebrar este marco tão importante, a equipa está a convidar o público a participar na nomeação do pequenote, antes que ele complete 100 dias de vida, a 21 de novembro. De acordo com a organização, “os nomes devem ser cativantes e fáceis de lembrar”, “fazer referência a personagens com significados ou atributos positivos”, “ter relevância para a herança cultural de Singapura” ou “refletir a importância dos laços bilaterais entre Singapura e a China”. Os interessados devem participar sugerindo um nome no site até ao dia 19 de setembro (não esquecer que existe uma diferença horária de 7 horas). Será pedido o nome em inglês, em chinês (opcional) e o significado do nome atribuído. Por fim, alguns nomes serão selecionados pelo júri e depois irão a votos do público. A maioria dos votos ditará o nome vencedor.

“A primeira gravidez de Jia Jia e o nascimento de um filhote é um marco significativo para nós no cuidado desta espécie ameaçada em Singapura. Este é o resultado de bons cuidados com os animais, da ciência da reprodução assistida e de pura perseverança por parte da nossa equipa, juntamente com os valiosos conselhos de especialistas de pandas da China. O trabalho continua agora com o apoio à mãe”, afirma em comunicado Cheng Wen-Haur, vice-presidente da WRS.

Pode assistir a um vídeo da cria e da mãe Jia Jia, publicado pela WRS no Facebook:

Notícias relacionadas

Comentários estão fechados.