Três quartos dos cidadãos da União Europeia afirmaram que considerariam utilizar mais frequentemente os transportes públicos caso pudessem adquirir um único título de transporte válido para todos os modos de transporte.

A conclusão, que não deixa de surpreender e revela a importância da utilização de um único título de transporte no dia-a-dia, é de um inquérito do Eurobarómetro, realizado em 27 Estados-membros da União Europeia.

De acordo com o Menos Um Carro, o Eurobarómetro inquiriu também os cidadãos que diariamente utilizam o automóvel no seu trajecto casa-trabalho sobre o que os faria mudar para os transportes públicos.

Assim, quase dois terços (65%) afirmou que o faria se fosse mais fácil mudar de um modo de transporte para outro, e 52% apontou que, se tivesse mais e melhores informações sobre os horários, passaria a combinar o veículo privado com outros modos de transporte.

Finalmente, há ainda quem passará a utilizar os transportes públicos caso as estações e paragens sejam mais atraentes (47%), e se for possível comprar bilhetes online (38%).

Ainda de acordo com o inquérito, a maioria dos europeus mostra-se disposta a fazer concessões sobre o preço e características das suas viaturas, para reduzir as emissões poluentes.

Os resultados deste inquérito vêm impulsionar enormemente os esforços da UE para tornar os transportes mais sustentáveis. Revelam que as pessoas estão conscientes do que está em jogo e estão dispostas a contribuírem para reduzirem o seu impacto no ambiente”, explicou o vice-presidente da Comissão para os transportes, Siim Kallas.

Segundo Kallas, há várias “iniciativas inteligentes” para melhorar a mobilidade sustentável, como os “regimes de tarifação ao quilómetro percorrido” e os títulos de “transporte único válido para todos os modos de transporte”.

Leia aqui o relatório na íntegra.

Deixar uma resposta

Patrocinadores

css.php