Ford mais perto de reduzir em 30% as emissões de CO2 até 2025

O relatório de sustentabilidade da Ford, que será hoje publicado oficialmente, afirma que a marca automóvel continua no caminho certo para reduzir em 30% as emissões de CO2 até 2025, tendo em conta os níveis de 2010. Um resultado que reflecte o investimento feito em tecnologias limpas e iniciativas ligadas à eficiência energética.

No relatório, a Ford detalhará como conseguiu que as emissões de carbono por fabrico de veículo decresceram 22% em 2014, tendo em conta os níveis de 2010, e a utilização de água continuou a decrescer em relação a 2012 – no último ano, a queda foi de 3%.

Segundo o Business Green, outro dos progressos da marca deu-se na redução de resíduos. O novo modelo F-150, por exemplo, irá utilizar material 100% reciclado para os seus bancos. O material será recolhido de mais de 5 milhões de garrafas de plástico colocadas em lixeiras.

Por outro lado, a fábrica de Hermosillo não enviou resíduos para lixeira no último ano, permitindo à Ford fazer o pleno, nesta área, em todas as suas fábricas do México. “A nossa iniciativa Blueprint for Sustainability é crítica para a competitividade da empresa a longo prazo”, escreveram o chairman William Clay Fort Jr e o presidente e CEO, Mark Fields, no prefácio do relatório de sustentabilidade.

“[Esta iniciativa] reforça a nossa missão de construirmos um negócio forte, com grandes produtos e que possa construir um mundo melhor – o futuro tem de ser diferente do passado”, escreveram os líderes da empresa.

Foto: Mr Thinktank / Creative Commons

Deixar uma resposta