Foi hoje inaugurada a Gigabateria do Tâmega



Esta manhã foi inaugurada a Gigabateria hidroelétrica do Tâmega, um projeto de produção hidroelétrica da Iberdrola que teve um investimento de mais de 1.500 milhões de euros. Este é considerado um dos maiores sistemas de armazenamento de energia da Europa e o maior projeto de criação de energia limpa em Portugal.

O evento contou com a presença do Primeiro-Ministro, António Costa, do Presidente da Iberdrola, Ignacio Galán, do Ministro do Ambiente e da Ação Climática, Duarte Cordeiro, do secretário de Estado do Ambiente e Energia, João Galamba e dos presidentes das Câmaras Municipais de Ribeira de Pena, Vila Pouca de Aguiar, Boticas, Chaves, Montalegre e Cabeceiras de Basto.

O complexo é composto por três centrais – Alto Tâmega, Daivões e Gouvães – e, graças à sua capacidade de bombagem, pode armazenar energia para ser utilizada quando for mais necessária. O sistema terá capacidade para produzir 1.158 MW e armazenar 40 milhões de kW, o equivalente à energia consumida por 11 milhões de pessoas em casa durante 24 horas. Entre as vantagens estão o facto de criar empregos na região e de evitar a importação de mais de 160.000 toneladas de petróleo e a emissão de 1,2 milhões de toneladas de dióxido de carbono (CO2), por ano.

A construção nesta área do norte de Portugal contou com um ambicioso plano de ações sociais, culturais e ambientais, que beneficiam sete municípios, ao qual se destinaram mais de 50 milhões de euros.



Notícias relacionadas

Comentários estão fechados.