Lisboa: Novo título mensal permite estacionar a usar metro e Carris por apenas 49 euros por mês

A Câmara Municipal de Lisboa está a promover um novo título mensal, chamado Park & Ride, que permitirá aos seus detentores estacionar o automóvel em parques de estacionamento da capital e usar o metro e a Carris por apenas 49 euros por mês.

De acordo com o Menos Um Carro, este tarifário destina-se sobretudo a pessoas que vivam fora da cidade mas que vêm trabalhar de carro, seja por necessidade ou por ser esta a opção menos dispendiosa.

De acordo com informações veiculadas ainda em 2010, serão dez os parques estacionamento incluídos nesta primeira fase do projecto, num total de cinco mil lugares de estacionamento: Parque da Álvaro Pais, Areeiro, Biblioteca, Campo Grande, Colégio Militar, Sete Rios, Universidade, Alvalade XXI, Docas e Oriente.

De acordo com o Público, que cita o vereador da Mobilidade da Câmara Municipal de Lisboa, numa segunda fase a oferta será ampliada a 11 mil lugares – e cerca de vinte parques espalhados por toda a cidade.

As contas feitas pela Câmara de Lisboa são simples. Viajar na Carris e no Metropolitano de Lisboa custa 29,45 euros por mês, e deixar o carro num parque da EMEL ou Emparque não fica por menos de 26,5 euros, dependendo da sua localização, podendo chegar até aos 90 euros. Por esta razão, os 49 euros não deixam de ser um preço apelativo.

Conheça melhor o conceito de Park & Ride.

O objectivo deste projecto é levar os automobilistas a deixarem os carros num parque que integre o serviço e façam o resto do percurso em transportes públicos.

“[O objectivo é] libertar as zonas mais congestionadas e sobrecarregadas” da cidade, avançou Nunes da Silva. “[Mas] o milagre ainda não foi total”, explica Nunes da Silva, porque ainda não há títulos combinados de estacionamento e utilização de transportes públicos para um ou meio-dia.

Recorde-se que, em Maio passado, aquando da visita do Papa a Lisboa, a Câmara de Lisboa ofereceu um tarifário que integrava a Carris, o metropolitano e operadores de parques de estacionamento.

Assim, e durante dois dias, foi possível viajar e metro e autocarro e estacionar por cinco euros diários. A adesão, essa deixou a desejar – apenas 400 pessoas.

E o leitor, admite utilizar este novo serviço? Dê-nos a sua opinião no portal ou no Facebook.

Deixar uma resposta

Patrocinadores

css.php