Maior adesão às recomendações de estilo de vida associada a um menor risco de cancro



Uma maior adesão às recomendações de prevenção do cancro do World Cancer Research Fund/American Institute for Cancer Research (WCRF/AICR) – que encorajam um estilo de vida saudável – está associada a um menor risco de todos os cancros combinados e de alguns cancros individuais, como o cancro da mama. Os resultados foram publicados na revista BMC Medicine.

As recomendações de prevenção do cancro do WCRF/AICR de 2018 visam reduzir o risco de cancro, encorajando os indivíduos a manter um peso saudável, a serem fisicamente ativos e a seguirem uma dieta rica em cereais integrais, legumes, fruta e feijão, mas pobre em alimentos altamente processados, carne vermelha e processada, bebidas açucaradas e álcool.

John Mathers e colegas investigaram a relação entre a adesão às recomendações do WCRF/AICR e o risco de cancro, analisando os dados do UK Biobank relativos a 94 778 adultos britânicos, com uma idade média de 56 anos.

Alimentação e atividade física

Os investigadores utilizaram dados auto-relatados sobre a alimentação e a atividade física – para além do índice de massa corporal e das medidas do perímetro da cintura dos participantes – para classificar a adesão dos participantes às recomendações numa pontuação máxima de 7 pontos. Utilizaram dados de registos de cancro para calcular a incidência de novos cancros que se desenvolveram durante um período médio de 8 anos.

Nas suas análises, tiveram em conta a idade, o sexo, a privação socioeconómica, a etnia e o estatuto de fumador. A pontuação média de adesão às recomendações foi de 3,8 pontos e 7.296 participantes (8%) desenvolveram cancro durante o período do estudo.

Os autores descobriram que uma maior adesão às recomendações do WCRF/AICR estava associada a um menor risco de todos os cancros combinados, sendo que cada aumento de 1 ponto na pontuação de adesão às recomendações estava associado a um risco 7% menor.

Em comparação com as pessoas com uma pontuação de adesão igual ou inferior a 3,5 pontos, as pessoas com uma pontuação igual ou superior a 4,5 pontos apresentaram um risco 16% inferior de todos os cancros combinados.

Descobriram também que cada aumento de 1 ponto na pontuação de adesão estava associado a um risco 10% menor de cancro da mama, 10% menor de cancro colorrectal, 18% menor de cancro do rim, 16% menor de cancro do esófago, 22% menor de cancro do fígado, 24% menor de cancro do ovário e 30% menor de cancro da vesícula biliar.

Os resultados apoiam o cumprimento das recomendações do WCRF/AICR para a prevenção do cancro no Reino Unido, mas os autores referem que a natureza observacional do seu estudo não permite tirar conclusões sobre uma relação causal entre a adesão às recomendações do WCRF/AICR e o risco de cancro.

Os autores acrescentam que são necessários mais estudos para investigar quais as recomendações que podem estar a conduzir à associação observada entre a adesão às recomendações e o risco de cancro.





Notícias relacionadas



Comentários
Loading...
viagra before and after photos what to expect when husband takes viagra