Mais da metade dos oceanos já estão afetados pelas alterações climáticas

Mais de 50% dos oceanos já estão a ser afetados pelas alterações climáticas, mas o número pode chegar a 80% nas próximas décadas, segundo um estudo publicado na revista Nature Climate Change.

Alguns especialistas da English University of Reading usaram modelos e observações em áreas profundas dos oceanos para calcular pela primeira vez as mudanças nas temperaturas e nos níveis de sal (bons indicadores da crise climática causada pelo homem).

De acordo com a investigação, os especialistas estimam que entre 20-50% dos oceanos Atlântico, Pacífico e Índico têm temperaturas e níveis de sal diferentes, mas as percentagens aumentarão para 40-60% em meados do século, e 55-80% até 2080.

Os cientistas também observaram que a taxa de impacto das alterações climáticas nos oceanos do hemisfério sul é muito mais rápida do que nos do hemisfério norte, mudanças que começaram a ser detectadas no início dos anos 1980.

“Vimos mudanças nas temperaturas do oceano na superfície (das águas) devido às alterações climáticas durante décadas, mas as mudanças em grandes áreas do oceano, especialmente nas profundezas, são muito mais difíceis de detectar”, disse Eri Guilyardi, um dos autores da investigação da Universidade de Reading e do Laboratório de Oceanografia e Clima de Paris.

Os cientistas destacaram a necessidade de melhorar a observação dos oceanos para monitorizar de perto a extensão do efeito das alterações climáticas nos oceanos e ser capaz de antecipar com mais precisão o seu efeito em todo o planeta.

Notícias relacionadas
Comentários
Loading...