No início deste ano, quando um tornado devastou Hattiesburg, no Mississippi, um rasto de destruição tomou conta da cidade. Mas à medida que os habitantes limpavam os destroços, como galhos e árvores caídas, Jody Mabary viu a oportunidade de criar um espaço que, mesmo assim, homenageasse a natureza – construiu então uma horta comunitária com detritos da tempestade.

Mabary faz parte dos moradores de Hattiesburg que, em Fevereiro passado, viram um tornado tomar conta da sua cidade, danificando e destruindo dezenas de casas e empresas locais. Mas assim que os esforços de limpeza começaram, ele teve a ideia de recuperar os resquícios da tempestade com um pretexto que incentivaria os outros habitantes a não só recolher material, mas a revertê-lo para um bom uso.

Com a ajuda de um amigo arquitecto paisagista, Beau Lackey, Mabary recolheu troncos de árvores derrubados e madeira proveniente de casas destruídas, de modo a construir a estrutura de uma horta sustentável no seu quintal para toda a comunidade.

“Olhámos para a destruição à nossa volta e quisemos fazer algo que as pessoas pudessem ver a crescer”, disse Mabary, de acordo com o Inhabitat.

Ele espera que o seu jardim de detritos sirva para incentivar outras pessoas a considerar a opção de converter os seus quintais raramente utilizados em espaços de agricultura urbana – úteis não só ao crescimento de alimentos saudáveis, como também aos laços entre a comunidade.

Porque uma comunidade mais próxima e unida consegue mais facilmente crescer a partir de grandes desastres. Neste caso, quase literalmente.

Deixar uma resposta