O que fazer aos velhos telefones públicos?

Todas as grandes cidades têm uma rede de telefones públicos na maioria das suas ruas – absolutamente cruciais para o funcionamento das cidades há alguns anos, mas completamente obsoletos na era dos smartphones.

O Reino Unido, conhecido pelas suas cabines telefónicas vermelhas tem reconvertido os espaços obsoletos. Desde 2009 que mais de 1.500 cabines foram transformadas em floristas, pontos de informação, pequenas galerias de arte e até mesmo em pequenas bibliotecas. A British Telecom permite mesmo ao público adoptar uma destas cabines por apenas uma libra.

Parece que todas as grandes cidades estão a considerar o problema das cabines telefónicas obsoletas. A África do Sul vai transformar todas as suas 79.000 cabines telegónicas em pontos de wi-fi. A China está a fazer o mesmo desde 2011, refere o City Lab.

Em Nova Iorque, existem ainda 9.000 telefones públicos funcionais, mas o contrato destes telefones pagos termina em 2015 e a cidade ainda não sabe o que fazer às cabines ou que nova geração de telefones públicos virá. A cidade está à espera de receber propostas sobre a nova geração de telefones públicos.

Corre o rumor que a Google está entre as empresas interessadas em instalar a nova geração de telefones públicos em Nova Iorque, mas que tem intenção de transformar as cabines em algo mais que pontos de distribuição de wi-fi. Também a IBM, Samsung e a Cisco estiveram presentes nas sessões de esclarecimento sobre o futuro dos telefones públicos de Nova Iorque e poderá ser aqui que venha a nascer a nova geração de telefones públicos mundiais.

Foto: bubuninha / Creative Commons

Notícias relacionadas
Comentários
Loading...