A Campanha Internacional para a Abolição de Armas Nucleares (ICAN) é a grande vencedora do Prémio Nobel da Paz 2017, anunciou hoje a Academia Sueca.

O prémio, atribuído a esta organização como consequência do trabalho desenvolvido para a eliminação de armamento nuclear no mundo, pretende ser uma chamada de atenção para “as catastróficas consequências humanitárias do uso de armas nucleares”.

Nas palavras de Berit Reiss-Andersen, presidente do comité norueguês, “vivemos num mundo onde o risco de recurso a armas nucleares é maior do que era desde há muito”. A responsável pela atribuição deste prestigiado galardão acrescenta ainda que “alguns Estados estão a modernizar o seu armamento e existe um risco real de outros países procurarem também armas nucleares”, daí o papel fundamental desempenhado pela ICAN.

Em reacção ao anúncio de hoje, a ICAN informou em comunicado que esta atribuição vem “iluminar o caminho para um mundo livre de armas nucleares.”

A cerimónia do Prémio Nobel da Paz 2017 terá lugar em Olso, capital de Noruega, a 10 de Dezembro, com a entrega de 1,1 milhões de dólares a esta ONG. 

Foto: ICAN facebook 

Deixar uma resposta