PAN quer campanha sobre deposição correta de material de proteção descartável

Desde o dia 3 de maio que Portugal passou a estar em estado de calamidade, e o Governo continua a trabalhar em medidas que previnam a contaminação do coronavírus e protejam os cidadãos. Atualmente, é obrigatório o uso de máscaras de proteção ou viseiras em serviços públicos, transportes, comércio e restauração.

O PAN apresentou um Projeto de Resolução em que exige uma campanha de informação nacional sobre a deposição correta de resíduos, face ao uso de material de proteção descartável.

A correcta deposição selectiva de resíduos em ecopontos é um problema que precede a actual epidemia”, afirmam no comunicado, alertando que a incorreta deposição pode prejudicar a saúde dos operadores das estações de triagem. Os resíduos perigosos devem ser dirigidos para um destino diferente do restante lixo reciclável.

O partido defende que a campanha deve ser realizada em diferentes meios, “com especial incidência nos meios de maior audiência, sobre qual a correcta práctica de deposição de resíduos”, mais propriamente “no que respeita aos resíduos de luvas e máscaras protectoras(…) garantindo desta forma que a informação chega, de facto, a todos os cidadãos.

Notícias relacionadas
Comentários
Loading...