Pessoas que nos inspiram

Editorial da revista Green Savers Março
por António Sarmento

Dianna Cohen, CEO da Plastic Pollution Coalition, já discursou nas Nações Unidas, TED Talks, Web Summit, entre outras conferências. O seu trabalho à frente desta aliança global foi divulgado por alguns dos principais meios de Comunicação Social internacionais. Em 2019, recebeu das mãos do actor Jeff Bridges o prémio “Ambientalista do Ano”, atribuído pelo SIMA Environmental Fund.

Quando a redacção da Green Savers decidiu fazer um artigo sobre a Nova Economia do Plástico, contactámo-la para uma entrevista. Convite aceite! Ao longo das próximas páginas, poderá saber como o seu trabalho ajuda o Planeta. Dianna revelou, ainda, que tem amigos em Castro Marim, no Algarve, adora pastéis de nata e anda sempre com um kit de utensílios de bambu. Neste segundo número da Green Savers, falámos também com dois portugueses unidos por uma paixão: a Natureza. Lisete Caixinhas, bióloga e investigadora, dedicou a vida às plantas. Quando nos recebeu na sua casa, em Lisboa, falou sobre a carreira profissional, a importância dos bancos de genes e, claro, do top 3 de jardins favoritos da cidade onde vive: Jardim Botânico, Estufa Fria e Jardim Botânico da Ajuda.

Já o trabalho de João Carvalho, ficámos a conhecer através de um email que nos enviou. Este aluno do primeiro ano do curso de Medicina Dentária quis mostrar- nos o seu portefólio como fotógrafo de aves. E gostámos do que vimos. Entre a nossa equipa e as preferências do João, elaborámos uma lista final que inclui a Águia-de-asa-redonda e o Chapim-carvoeiro, imagens captadas no norte do País. Esta é uma outra perspetiva sobre o confinamento, a do meio natural sem a atividade humana. Esta edição conta ainda com uma entrevista a João Pedro Matos Fernandes, ministro do Ambiente e da Ação Climática, que aponta os principais desafios ambientais da presidência portuguesa do Conselho da União Europeia.

No âmbito das Finanças Sustentáveis e da Economia Verde temos um artigo sobre o hidrogénio em Portugal: o que está em causa, as vantagens, as críticas, os avisos e as investigações. Analisamos também a presença das empresas portuguesas no DJSI World, que tem apresentado nos últimos anos uma ligeira vantagem face ao Stoxx 600.

Numa altura em que água começou a ser negociada em Wall Street será que o recurso de que toda a Humanidade precisa para a sua sobrevivência vai ser atrativo para os investidores? Na Green Savers explicamos o que está em causa.
Boas leituras.

A revista Green Savers de Março/Maio encontra-se à venda nas bancas e em formato digital aqui.

Notícias relacionadas

Comentários estão fechados.