PETRONAS Lubricants International e IVECO desenvolvem fluidos sustentáveis para veículos elétricos comerciais



A PETRONAS Lubricants International (PLI) está a reforçar a sua parceria histórica com a IVECO através do codesenvolvimento de fluidos para os novos veículos eDAILY de zero emissões da IVECO, concebidos para “maximizar o desempenho e melhorar as soluções sustentáveis para a indústria automóvel comercial”, revelou a empresa em comunicado.

Segundo a mesma fonte, a “colaboração de longa data entre as duas líderes da indústria, assente na inovação e resiliência automóvel desde 1975, já resultou em milhares de horas de co-engenharia para produzir lubrificantes com os mais elevados padrões de qualidade, a fim de satisfazer as necessidades dos condutores de veículos IVECO”. Os novos fluidos “materializam o objetivo comum da PLI e da IVECO de alcançar um futuro sustentável”.

Considerados os “gémeos elétricos” dos icónicos veículos Daily da IVECO, os eDAILY “cobrem todas as possíveis aplicações de veículos comerciais – incluindo missões e conversões de veículos pesados”. Os novos VE “contribuem significativamente para a descarbonização dos veículos de transporte para uso comercial, suportados por fluidos que melhoram o seu desempenho e lhes permitem durar mais tempo”, sublinha a empresa.

A mesma fonte acrescenta que os fluidos PETRONAS Iona Integra Plus foram desenvolvidos para a caixa de transferência elétrica dos eDAILYs, sendo “especificamente pensados para reduzir as perdas por churning, assegurando ao mesmo tempo a durabilidade do sistema”. Isto “é comparável às viscosidades mais elevadas nos fluidos normais e garante excelentes propriedades de oxidação, mesmo sob temperaturas elevadas”. A gama PETRONAS Iona “oferece desempenho e durabilidade irrepreensíveis e otimizados para veículos elétricos modernos e de alto nível”.

Os veículos eDAILY também utilizarão o PETRONAS Tutela Axle 900 HD, um óleo para eixo SAE 75W-85 desenvolvido para toda a gama de eixos IVECO, incluindo veículos ligeiros e pesados, com vista a maximizar a eficiência e cumprir as mais recentes exigências regulamentares, conclui a mesma fonte.

 



Notícias relacionadas

loading...

Comentários estão fechados.