Por que razão está Abrantes nos principais sites de arquitectura e design do mundo? (com FOTOS)

A nova coqueluche de Abrantes

O Atelier Rua, sediado em Lisboa, acabou de apresentar a sua extensão ao actual parque de campismo de Abrantes, distrito de Santarém, na qual se destaca uma série de grelhas verticais finas que formam um delicado véu que se enquadra com a paisagem vizinha: o rio Tejo.

O projecto serpenteia por entre edifícios já existentes, tornado o local num dos parques de campismo mais originais da Europa. Os arquitectos do Atelier Rua foram trazidos ao projecto para desenharem espaços que pudessem relacionar com os edifícios separados já existentes, localizados entre uma área residencial, a sul, e a margem do rio, a norte.

“A ideia deste edifício é relacionar as traseiras dos edifícios já existentes, definido uma nova orla para a cidade. A sua forma é ‘líquida’, de certa forma, e ocupa os espaços que sobraram entre os edifícios já existentes”, explicou ao Inhabitat o co-fundador do Atelier Rua, Luís Valente. O projecto é também elogiado no Arch Daily,

“A proposta apresenta uma implantação que pretende tirar partido da morfologia da fronteira [entre o casario e o rio] e adaptar uma estrutura uniformizadora, contínua e capaz de agregar todo o programa funcional à zona limítrofe, por forma a envolver todas as implantações pré-existentes no lado norte do lote e criar uma frente contínua, orgânica e suave”, explica o atelier no seu site.

“A estrutura aberta e de carácter permeável, visa proporcionar uma relação directa e constante com as zonas verdes em todas as áreas do programa (circulações, instalações sanitárias, zonas de lavagem), à excepção de duas áreas edificadas (recepção/sala de convívio e cafetaria)”, conclui o Atelier Rua.

Deixar uma resposta

Patrocinadores

css.php