Sabia que os cães também doam sangue?

A cada dois meses, Roxi, uma cadela, faz uma visita ao veterinário. Porém, não é para visitas de rotina. Roxi vai ajudar outros cães em necessidade. Esta cadela do estado de Illinois, nos Estados Unidos, é um dos vários animais que vai ao Animal Emergency Center, da cidade de Bettendorf, doar sangue para outros cães.

Também os cães podem precisar de transfusões de sangue e, em caso de acidente ou doença, é necessário que exista um banco de sangue e que outros cães saudáveis que possam doar sangue.

“A Roxi é uma boa paciente para nós”, afirma Bruce Benge, o veterinário encarregue pelo centro. “Ela é muito calma e normalmente fica deitada, muito quieta, durante o processo de doação”, cita o Dodo.

Porém, à semelhança dos bancos de sangue humanos, os problemas são iguais. “É importante haver um leque consistente de doadores, porque o sangue canino tem uma curta duração, entre 30 a 35 dias, e o stock necessita de ser substituído regularmente”, afirma a Human Society. “Muitas clínicas veterinárias não necessitam de sangue regularmente e, como tal, não têm reservas. É nestes casos que os bancos de sangue canino a nível regional e nacional suprimem as faltas”.

Uma visita de 45 minutos ao veterinário a cada cinco a sete semanas pode ajudar a salvar a vida de outros companheiros de quatro patas.

Foto:  Robert Nyman / Creative Commons

Deixar uma resposta

Patrocinadores

css.php