Seis municípios algarvios recebem apoios para centros de recolha de animais

Os incentivos financeiros para construção e modernização de centros de recolha oficial de animais de companhia vão chegar a seis municípios algarvios e atingem 183.536 euros, anunciou a Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional (CCDR) do Algarve.

Monchique, São Brás de Alportel, Tavira, Albufeira, Lagos e Portimão são os seis municípios do Algarve que vão receber verbas para melhorar as condições dos centros de recolha oficial de animais de companhia, depois de verem as suas candidaturas analisadas pela CCDR/Algarve, precisou a mesma fonte.

“Seis municípios do Algarve vão receber 183.536 euros para investir na melhoria do bem-estar animal, no âmbito do programa de concessão de incentivos financeiros para a construção e modernização dos centros de recolha oficial de animais de companhia”, lê-se num comunicado.

Na base destes apoios está o “despacho n.º 3321/2018 de 4 de Abril, dos secretários de Estado do Orçamento, das Autarquias Locais e da Agricultura e Alimentação”, que previa a apresentação de candidaturas para a melhoria daqueles centros, segundo a documentação complementar disponibilizada pela CCDR.

A aprovação das candidaturas foi aprovada na segunda-feira, pelo despacho n.º 10285/2020, de 26 de outubro, que prevê, no conjunto do país, mais de 1,8 milhões de euros de comparticipações, para um investimento elegível de 7,8 milhões, adianta aquela fonte.

No Algarve, o investimento total em causa nos seis municípios é de 796.708 euros, com a comparticipação a chegar aos 183 mil euros, precisou.

A CCDR/Algarve é agora presidida por José Apolinário, antigo secretário de Estado das Pescas, que deixou o Governo do PS liderado por António Costa para se candidatar às eleições indiretas que escolheram os presidentes das cinco regiões administrativas portuguesas em 13 de outubro.

Os centros de Monchique (que representa um investimento de 141.360 euros), de São Brás de Alportel (247.407 euros) e de Tavira (264.894 euros) vão “beneficiar de um incentivo de 50.000 euros para cada projeto”, segundo os valores divulgados pelo CCDR algarvia.

Já a ampliação da capacidade do centro de Albufeira, que representa um investimento de 8.840 euros, vai contar com um incentivo de 3.536, enquanto a modernização e ampliação do de Lagos, avaliada em 50.000, e a modernização do de Portimão, orçada em 84.206 euros, vão contar com uma comparticipação de 15.000 euros cada, acrescentou.

A CCDR/Algarve frisou ainda que, nos centros de Monchique, Portimão, São Brás de Alportel e Tavira também vão ser “criados espaços para esterilizações” dos animais de companhia.

Notícias relacionadas
Comentários
Loading...