Jogo de tabuleiro sobre reciclagem vai invadir as praias nacionais



Será que os mais novos sabem reciclar? A Sociedade Ponto Verde vai pôr as crianças e jovens à prova no Recicla Mania, um jogo de tabuleiro em versão gigante que vai estar em várias praias de norte a sul do país durante o mês de julho.

Sendo os próprios os peões do jogo, após lançarem o dado vão avançando por casas coloridas (verdes, azuis e amarelas) onde, durante algumas paragens, vão ser desafiados a testarem os seus conhecimentos sobre reciclagem, até chegarem à meta. “É preciso lavar as embalagens antes de as colocar no ecoponto?”, “Parti um espelho em casa. Onde coloco os vidros?” ou “Se reciclarmos sempre o papel que utilizamos, qual a matéria-prima que estamos a poupar?” são algumas das perguntas que a Sociedade Ponto Verde vai fazer às gerações mais novas, a fim de esclarecer dúvidas e ensinar boas práticas de separação de resíduos.

São mais de 15 as praias escolhidas, um pouco por todo o território continental, onde a entidade vai proporcionar um momento de diversão e de aprendizagem sobre a temática. A atividade decorre durante a parte da manhã, entre as 9h00 e as 12h00. Conheça a lista em baixo:

  • Dia 4 de julho, praia de Carcavelos (Cascais)
  • Dia 5 de julho, praia do Tamariz (Cascais)
  • Dia 6, praia da Torre (Oeiras)
  • Dia 7, praia de Santo Amaro (Oeiras)
  • Dia 8, praia da Saúde (Costa da Caparica, Almada)
  • Dia 11, praia da Mata (Costa da Caparica, Almada)
  • Dia 12, praia da Rainha (Costa da Caparica, Almada)
  • Dia 13, praia Cabana do Pescador (Costa da Caparica, Almada)
  • Dia 14, praia Fonte da Telha (Costa da Caparica, Almada)
  • Dia 15, praia da Nazaré (Nazaré)
  • Dia 18, praia Foz do Arelho (Caldas da Rainha)
  • Dia 19, praia da Costa Nova (Ílhavo)
  • Dias 21, 22 e 25 (praias no Grande Porto – em atualização)
  • Dias 26 e 28, praia de Monte Gordo (Vila Real de Santo António)
  • Dias 27 e 29, praia da Quarteira – Centro Azul (Loulé)

A iniciativa de verão da Sociedade Ponto Verde reforça a sua atuação na área da Educação para a Cidadania Ambiental, com enfoque na sensibilização dos mais jovens para a importância de separar as embalagens em qualquer momento e em qualquer lugar, neste caso na praia, um dos ecossistemas naturais que deve ser preservado.



Notícias relacionadas

Comentários estão fechados.