Conferência da UNESCO debate soluções hídricas para as megacidades



Está a decorrer na Sede da UNESCO, em Paris, a Segunda Conferência Internacional sobre Água, Megacidades e Mudança Global (EauMega). O evento tem como objetivo debater soluções hídricas para as grandes cidades, que são casa para a maior parte da população mundial e que, enfrentam já, problemas no acesso à água. Com o contínuo crescimento da população mundial, estima-se que até 2030, mais de mil milhões de pessoas viverão em aproximadamente 100 cidades muito grandes, e que 60% da população viverá em áreas urbanas.

No evento, que decorre até sexta-feira, dia 14 de janeiro, estão reunidos cientistas, representantes políticos, autoridades, estudantes e cidadãos, que pretendem, em conjunto, trocar conhecimento acerca deste tópico, no intuito de expor os desafios e as soluções que as megacidades enfrentam e que irão utilizar para combater os efeitos das alterações climáticas. Será ainda realizada a ativação da plataforma de cooperação da Megacities Alliance for Water and Climate (MAWAC), e revisto o Quadro Estratégico Global da MAWAC, preparado pelo Grupo do Programa Hidrológico Intergovernamental da UNESCO (IHP).

Abou Amani, secretário do IHP, refere que “Este é um encontro muito importante entre os principais atores da água que irão continuar a aprimorar as ideias que foram destacadas durante a Conferência EauMega de 2015, para resolver os vários desafios relacionados com a água que as megacidades enfrentam e enfrentarão no futuro, especialmente ao observamos as crescentes mudanças globais reforçadas por fatores como as alterações climáticas, pandemias globais como a atual pandemia de COVID, etc”.



Notícias relacionadas

Comentários estão fechados.