Veterinários alertam que brincadeiras com paus podem ferir os cães

Se costuma atirar um pau para o seu cão ir buscar com a boca, e devolvê-lo a si, pense duas vezes antes de continuar com a brincadeira. É que o jogo pode danificar a saúde do seu cão, de acordo com a Associação Britânica de Veterinários. “Atirar um pau para o cão [ir buscar] pode ser perigoso e levar a feridas horríveis que podem ser aflitivas tanto para os animais como para os donos”, explicou a escocesa Grace Webster, desta associação, ao jornal The Times.

De acordo com a associação, os ferimentos sofridos pelos cães, quando apanham o pau, incluem cortes na boca e língua ou até ficar com o pau preso na boca, impedindo-os de respirar.

Por outro lado, tratar o problema original – caso haja uma ferida – pode não ser suficiente, avisa Webster. “Mesmo que a ferida inicial seja tratada, as lascas de madeira podem ficar presas e requerem cirurgias subsequentes”, continuou.

O problema agrava-se quando saltam para apanhar o pau, atirado a uma velocidade razoável. As feridas podem não só ser sérias mas causar perturbações imediatas.

Grace Webster falou à imprensa depois de um cão, na Escócia, ter ficado gravemente ferido com um pau de 10 centímetros, que se alojou na sua garganta. A alternativa poderá ser atirar paus de borracha, bolas ou frisbees, garante o The Guardian.

Foto: Fake Plastic Alice / Creative Commons

Deixar uma resposta

Patrocinadores

css.php