Águas do Norte investe 1,8 ME em construção de rede de saneamento em Santo Tirso



A Águas do Norte vai iniciar a empreitada de construção de uma rede de saneamento na freguesia de Monte Córdova, em Santo Tirso, distrito do Porto, que representa um investimento de 1,8 milhões de euros, foi hoje anunciado.

Em comunicado, aquela entidade concessionária do sistema multimunicipal de abastecimento de água e de saneamento do norte de Portugal refere que o prazo de execução da obra é de 455 dias.

A empreitada será comparticipada em 1,6 milhões de euros pelo Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER) para Apoio à Transição Climática – Investimentos em infraestruturas de saneamento de águas residuais em sistema em baixa, acrescenta a Águas do Norte.

Segundo explica o texto, “os trabalhos agora iniciados incluem a instalação de rede de drenagem de águas residuais, numa extensão de cerca de 10.500 metros, incluindo a execução de 472 ramais domiciliários”.

Com a conclusão destas obras, salienta a Águas do Norte, o objetivo é “disponibilizar a uma parte significativa da população residente no concelho de Santo Tirso a possibilidade de usufruir de um adequado serviço público de saneamento de águas residuais, o que permitirá uma melhoria significativa da sua qualidade de vida e a preservação do meio ambiente”.

A Águas do Norte iniciou a atividade a 30 de junho de 2015, sendo responsável pela captação, tratamento e abastecimento de água para consumo público e pela recolha, tratamento e rejeição de efluentes domésticos, urbanos e industriais e de efluentes provenientes de fossas séticas.

Assume ainda a exploração e gestão do sistema de águas da região do Noroeste, reunindo numa única entidade gestora os serviços de abastecimento de água e de saneamento de águas residuais em “alta” (prestados aos municípios) e em “baixa” (prestados aos utilizadores finais, os munícipes).



Notícias relacionadas

loading...

Comentários estão fechados.