Os 8 canídeos mais ameaçados do mundo

A 17 de Maio assinalou-se o Dia de Espécies Ameaçadas. Hoje, damos-lhe a conhecer alguns dos canídeos que enfrentam o maior risco de extinção, seja por perda de habitat ou por acção da caça furtiva. Clique nas fotos, abaixo, para perceber de que animal estamos a falar.

Lobo etíope

Este é o canídeo mais ameaçado do mundo, com menos de 500 indivíduos a ocuparem a Terra. Presente nos caminhos que levam às terras altas da Etiópia, é a única espécie de canídeo que fez das altitudes a sua casa.

Lobo vermelho

O lobo vermelho é muitas vezes ofuscado pelo seu primo mais popular, o lobo cinzento. Em 1973, existiam apenas 14 lobos vermelhos puros. Hoje, depois de décadas de esforços de conservação, existem cerca de 120 lobos vermelhos selvagens e 200 em cativeiro.

Lobo cinzento mexicano

Esta é a mais pequena subespécie de lobo cinzento, presente na América do Norte. Nos primeiros anos de 1900, este lobo foi quase totalmente exterminado, mas começou a ser protegido em 1976, quando as populações nos Estados Unidos e no México já estavam severamente reduzidas. Graças ao sucesso dos programas de reprodução em cativeiro, alguns lobos começaram a ser repostos na natureza em 1998.

Cão selvagem asiático

Este cão selvagem é nativo do sul e sudeste da Ásia. Estes animais são altamente sociais e vivem em grandes matilhas. Apesar de ser espécie protegida desde 1972, a população continua em declínio.

Cão selvagem africano

Esta espécie existe apenas em África. No passado, o número estimado era de 500 mil cães em 39 países, mas hoje há apenas entre 3.000 a 5.000 no leste e sul do continente. A espécie costuma competir com leões e hienas, que são maiores e mais fortes.

Raposa de Darwin

Esta espécie é nativa do Chile. A raposa de Darwin habita as florestas e é mais pequena do que as outras espécies de raposa. Existem apenas cerca de 320 indivíduos – cerca de 250 deles na pequena ilha de Chiloé e os restantes no Parque Nacional Nahuelbuta.

Raposa-das-ilhas

Esta espécie fascinante descende da raposa cinzenta. Pode ser encontrada em seis das oito Channel Islands ao largo da costa da Califórnia, sendo que existem seis subespécies – cada uma exclusiva de uma ilha. Como só existem nestas pequenas ilhas e estiveram isoladas durante muito tempo, não são imunes a parasitas e doenças vindos do continente.

Raposa de San Joaquin

Este pequeno canídeo é um dos animais mais ameaçados de extinção da Califórnia. Pode ser encontrada no Vale Central da Califórnia, principalmente na planície de Carrizo. Existem menos de 7.000 espécimes.

Deixar uma resposta

Patrocinadores