Inspirada numa árvore esta casa sustentável é um marco de arquitetura em França

Em homenagem ao rico património arquitetónico da comuna francesa de Boulogne-Billancourt, um atelier de arquitetura parisiense “La Maison Connectée” (a Casa Conectada), uma casa contemporânea que se inspira na estrutura de uma árvore.

Projetada com fachada dupla, a casa escultural multifacetada é uma continuação das habitações experimentais da área, como seu famoso vizinho modernista, o prédio de apartamentos Immeuble Molitor de Le Corbusier, listado pela UNESCO. “La Maison Connectée” foi projetada para reduzir o uso de energia e equipada com um sistema de automação residencial inteligente e sistemas de água subterrânea que alimentam o seu aquecimento e eletricidade.

Os arquitetos criaram uma casa inovadora que combina biomimética, sistemas de eficiência energética e design contemporâneo. Concluída em 2017, esta casa tem três pisos, uma cave e um terraço no último piso.

“Os principais espaços programáticos da casa espalham-se como camadas sucessivas de uma árvore, desde o núcleo de circulação central, o seu coração, à fachada exterior facetada, a sua casca”, explicam os arquitetos. “A metáfora da árvore também funciona em corte transversal, onde os solos são sustentados por uma estrutura tubular ramificada. Essa estrutura é desenhada como uma matriz tridimensional que se torna o exoesqueleto, permitindo também a leitura das diferentes camadas.”

Para preservar o caráter histórico da avenida, os arquitetos mantiveram a cerca de metal preto existente e plantaram espécies de arbustos e grandes árvores ao redor do terreno para reforçar a aparência frondosa do bairro. Embora a casa experimental se destaque visualmente entre as vizinhas, o projeto foi aprovado pelo Arquiteto de Edifícios da França e pela APP, entidade que tutela o bairro Parc des Princes.

Notícias relacionadas
Comentários
Loading...